Translate

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Erradicar a pobreza onde? Acabar com a fome de quem?

Deus ajuda aos homens de boa-vontade e é de boa-vontade que faço um esforço para admitir que a Camargo Corrêa, construtora envolvida na Lava Jato, doou R$ 3 milhões ao Instituto Lula para manutenção e desenvolvimento de atividades institucionais, conforme objeto social do seu estatuto que, entre outras finalidades, estabelece o estudo e compartilhamento de políticas públicas dedicadas à erradicação da pobreza e da fome no mundo. 

Da mesma forma, esforço-me ainda mais para acreditar que a mesma construtora doou R$ 1,5 milhão à LILS Palestras Eventos e Publicidade, empresa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como patrocínio de palestras no exterior do ex-presidente, feitas com o mesmo nobre objetivo. Nada, portanto, a ver com "bônus eleitorais", pura filantropia. 

Gostaria então, como brasileiro, de saber: onde essa dinheirama foi usada para erradicar a pobreza e a fome no mundo? Em que programas? Quais os atendidos? Quais os resultados? Será que foi na África, continente preferido de viagens e assistências lulistas? Ou será que foi no nordeste natal do ex-presidente? 

Infelizmente, sou humano e não tenho a paciência do Jó; aliás, estou farto de pessoas e empresas pretensamente defensoras dos pobres e esfomeados do mundo. Gostaria de saber o que a Camargo Corrêa e o Instituto Lula tem feito para ajudar os milhares de ex-funcionários de construtoras e empresas terceirizadas da Petrobrás que se encontram desempregados, sem plano de saúde, sem condições de pagar despesas essenciais e sem perspectivas de trabalho devido aos assaltos do petrolão. 

Não só trabalhadores demitidos como também pessoas e empresas que investiram em polos de desenvolvimento no Rio Grande do Sul, no Rio de Janeiro, na Bahia, em Pernambuco, Ceará e Piauí e agora estão endividadas e também sem perspectivas de futuro. O ex-presidente se gaba de sua origem metalúrgica e vira os olhos para os milhares de metalúrgicos que devem estar passando fome aqui bem pertinho, no Brasil mesmo. 

Gostaria de saber também qual o tipo de imunidade ele possui pois não exerce mais cargo público algum, para alegar que as elites ou quem quer que pense diferente dele cometem golpes infundados sempre que o nome dele aparece em alguma investigação. 

Lula, o senhor acabou com a pobreza e a fome de quem, além da sua e da sua família?

Nenhum comentário: